Paginas

Receba nossas atualizações

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Movimento a favor da Valorização do Biólogo


Boa noite galera.

Eu e alguns amigos Biólogos estamos dando inicio a um movimento que visa melhorar a imagem da nossa profissão diante da sociedade e fazer valer algumas reivindicações da nossa classe juntamente o apoio de alguns integrantes do meio politico (Como é o caso do  Dep. Federal Arnaldo Jardim que se prontificou a nos ajudar nesta empreitada).

Nossas principais reivindicações no momento são:

1-      Criação do piso salarial nacional do biólogo (assim como os engenheiros tem) por força de LEI. Isso é um direito de equiparação para categorias profissionais semelhantes.

2-     Definição legal das atribuições e competências EXCLUSIVAS de biólogos (Afinal estamos cansado de ver engenheiro assinando laudos e estudos sobre fauna e outros trabalhos pertinentes a nossa profissão)

3-     Apoio à criação do sindicato nacional dos biólogos

Porem para tanto além de elaborarmos uma pauta sobre tais reivindicações, devemos demostrar um grande interesse por parte da nossa classe com relação e este assunto, pois de nada adianta levarmos nossas reivindicações ao congresso com uma lista de apenas dez pessoas interessadas.

A principio, pretendemos angariar 20.000 assinaturas para que assim possamos ter material com o que discutir tais solicitações.

Abaixo segue a link para a planilha no Google onde todos os biólogos e estudantes de biologia poderão esta assinando  e assim nos judando a continuarcom esta luta em busca da valoriação da nossa classe


Lista de Presença e reivindicações

12 comentários:

  1. Isso aí! Vamos lutar! Já assinei,mas só uma dica, é reivindicações. ;)

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado pela dica Vanessa..rsrs
    Fui pelo corretor ortografico do word e deu nisso..:P
    Vamos lutar sim, pois de nada adianta ficarmos apenas reclamando.
    vamos agir.

    ResponderExcluir
  3. Pessoal.

    Muito louvável a atitude, principalmente pelo fato da obtenção do compromisso de um deputado federal.

    Apesar disso, o Google Docs não é o melhor meio para conduzir esse tipo de abaixo assinado. O principal fator é como ele pode ser editado por qualquer um. O ideal é que os registros sejam individualizados e inalteráveis.

    Existem bons serviços que fazem esse trabalho: http://www.peticaopublica.com.br e http://www.petitiononline.com

    Podem contar comigo nesse movimento.

    Clever Pinto
    cleverbr[arroba]yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Edite o post, se escreve reivindicações! Já repassei a lista para várias pessoas.

    ResponderExcluir
  6. Obrigado pela informação.
    Ja foi corrigido o post. e agradeço por fazer parte deste movimento tão importante.

    ResponderExcluir
  7. A iniciativa é muito válida, porque o biólogo é um profissional relevante na sociedade consumista atual.

    ResponderExcluir
  8. Muito boa a iniciativa, mas não concordo com a inclusão da criação de um sindicato como reinvindicação. Temos o CFB e CRB, criar mais uma instância dissipa forças, temos de nos mobilizar em torno do espaço institucional que existe e que vem sendo negligenciado por TODOS NÓS. Além disso, acho que para criar um sindicato não há exigência de aprovação de lei na camara ou senado. Chega de taxas, não quero pagar sindicato! Abs e parabéns pela iniciativa.

    ResponderExcluir
  9. como melhorar frente à sociedade se os próprios biólogos não valorizam a profissão? Biólogo acha que deve trabalhar por amor a natureza e desvaloriza a própria carreira. Como vai coletar em um lugar muito legal, acha que isto é recompensa suficiente e aceita trabalhar quase de graça. Engenheiro não aceita isto, fortalece a profissão, tem CREA e por conta disto assina os laudos que deveriam ser exclusividade nossa. A mentalidade do biólogo deve mudar, inclusive cobrando muito mais o próprio CRBIO. Não acho que a criação de um sindicato seja a solução. Devemos mudar começando pela cabeça dos próprios biólogos e cobrar um conselho que seja mais atuante e que defenda nossos direitos.

    ResponderExcluir
  10. Temos que nos unir, e lutar a favor de nossa classe....Parabéns pela iniciativa.

    ResponderExcluir
  11. Eu tenho uma dúvida em relação ao item 2. Esses engenheiros que assinam laudos têm formação acadêmica para isso (por exemplo, fez alguma disciplina durante a graduação ou algum outro tipo de curso)? Pergunto, pois, por exemplo, um biólogo que tenha formação adequada pode livremente trabalhar na área de Análises Clínicas, então, se esses engenheiros tiverem a formação adequada, infelizmente, não vejo o motivo da revolta (eles estão aptos a isso). Entretanto, se o profissional não estiver apto, então concordo com o item 2 e, então, poderei dar meu voto.

    Abraços

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde kamila, tudo bem?

    Um biólogo durante seu curso de formação tem entre outras matérias, bioquímica, imunológica, toxicologia, anatomia, entre outros e isso o deixa apto a trabalhar na área clinica certo? Claro dentro das devidas atribuições pertinentes a área.

    Na grade curricular de um curso de engenharia ambiental (estou usando como referência a UNESP) não apresenta nenhuma disciplina que venha a habilitar tecnicamente um engenheiro ambiental a assinar um laudo que autorize o desmatamento de uma determinada área, sem que antes tenha sido feito um levantamento de fauna e flora nativa do local. (Este sim um trabalho estritamente feito por biólogos) Porem é este tipo de situação que esta ocorrendo em algumas regiões do nosso país. Muitos estão assinando laudos sobre fauna e flora sem mesmo ter a disciplina em sua grade, como isso acontece?

    Simples, ele contrata um biólogo para fazer todo o trabalho e no final ele assina o laudo atestado pelo biólogo e pronto.
    Porem o valor pago a ele pela empresa contratante pode chegar a 3 vezes mais o valor que ele pagou ao biólogo para fazer o trabalho.

    É este tipo de situação que estamos tentando mudar em nossa cultura, estamos tentando mudar tambem à mentalidade da nossa classe, não podemos nos submeter a este tipo de "sucessão ecológica" onde nosso nicho esta sendo tomado por outra classe e ficamos apenas admirando os fatos.

    Exemplo, se tivermos um salário equiparado ao das outras classes (Eng. Ambiental, por exemplo) não será necessário este tipo de intermediário, pois as empresas poderão contratar diretamente um biólogo para fazer os levantamentos necessários referentes à flora e fauna.

    Espero ter ajudado de alguma forma em sua duvida.

    Atenciosamente

    Ilberto Antonio

    ResponderExcluir